Ponte Preta tenta escapar da degola

Depois de viver uma mudança radical, indo do céu ao inferno, a Ponte Preta chega na última rodada do Campeonato Brasileiro precisando de um empate contra o já rebaixado Brasiliense, neste domingo, às 16 horas, no estádio Moisés Lucarelli, para evitar o rebaixamento à Série B. Apoiado por sua torcida, o time campineiro, em 18.º lugar, com 48 pontos terá uma tarde de decisão."É desta forma que eu e os jogadores encaramos", diz o técnico interino Nenê Santana, que espera corresponder à confiança de ter o comando do time num momento crítico. A expectativa era bem diferente, principalmente pela boa campanha do primeiro turno, quando o time liderou por oito rodadas. Mas depois sofreu mudanças de técnicos - Zetti e Estevam Soares - no lugar de Vadão, e o time despencou na tabela, a ponto de ter a pior campanha do returno, com apenas 15 pontos.Mesmo em casa, o retrospecto é negativo, não ganhando há cinco jogos. A última vitória aconteceu no dia 2 de novembro sobre o Santos, 2 a 1 de virada. De lá para cá, foram quatro derrotas para Internacional, Coritiba, Palmeiras e Corinthians, além de um empate diante do Flamengo.O time terá quatro mudanças em relação ao que perdeu para o Corinthians, por 3 a 1, no Morumbi. Na defesa, Galeano, suspenso será substituído por Luís Carlos, que não joga há quatro meses. No meio-de-campo, voltam Danilo e Evando, que estavam suspensos, e também no ataque entra Tico, recuperado de lesão. O volante André Silva, suspenso, fica de fora, além disso Rafael Ueta e Izaías passam a ser opções no banco de reservas.Clima - A semana começou conturbada com as declarações pesadas de Élson e Piá, tecendo críticas ao time na derrota para o Corinthians. Ambos se desculparam publicamente e perante o grupo. Lavada a roupa suja, o grupo se uniu para evitar o rebaixamento. Uma promoção, com ingressos a R$ 3, facilitou a presença da torcida, que deve empurrar o time sobre o adversário.Há, porém, a expectativa de que o Brasiliense virá motivado por premiações extras oferecidas pelos outros ameaçados, Coritiba e São Caetano. Para evitar que os outros resultados atrapalhem o rendimento dos jogadores, o serviço de som não anunciará os resultados parciais de Coritiba x Internacional e de Cruzeiro x São Caetano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.