Ponte Preta terá força máxima diante do São Paulo

A Ponte Preta ainda tem chances matemáticas de ser rebaixada no Campeonato Brasileiro, mas pode eliminar qualquer risco se empatar com o São Paulo, no próximo domingo, às 17 horas, no Estádio Moisés Lucarelli, pela penúltima rodada. E para isso, o técnico Guto Ferreira poderá contar com força máxima.

AE, Agência Estado

20 de novembro de 2012 | 21h05

Na derrota para o Bahia, por 1 a 0, nenhum jogador que estava pendurado recebeu cartão amarelo. Além disso, o atacante Rildo foi liberado pelo departamento médico. Assim, Guto Ferreira não deve realizar nenhuma alteração nos 11 titulares, já que aprovou o desempenho na última partida.

Apesar de existir a chance matemática de rebaixamento, o treinador está planejando a temporada 2013: "Não tem por que mudar, o time está jogando bem. É importante dar sequência ao trabalho, essa continuidade aprimora o conjunto", afirmou Guto Ferreira.

Emprestado pelo Coritiba até o fim do ano, o goleiro Edson Bastos demonstrou interesse em permanecer no Estádio Moisés Lucarelli e já teria assinado um pré-contrato.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPonte PretaBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.