Bruno Haddad/Divulgação
Bruno Haddad/Divulgação

Ponte vence a 3ª seguida na estreia de Eduardo Baptista no Fluminense

Campineiros não dão chance aos cariocas e triunfam por 3 a 1

Estadão Conteúdo

19 de setembro de 2015 | 23h09

A Ponte Preta chegou à sua terceira vitória consecutiva, neste sábado à noite, quando não teve dificuldades para vencer o Fluminense por 3 a 1, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida marcou a estreia de Eduardo Baptista à frente do time carioca no lugar de Enderson Moreira, demitido após a goleada sofrida diante do Palmeiras, por 4 a 1, no Maracanã, na última quarta-feira.

Assim como fez diante do Santos, no último final de semana, o time campineiro se impôs desde os minutos iniciais e abriu 3 a 0 ainda no primeiro tempo. Depois administrou o resultado, que o deixou na décima posição, com 37 pontos ganhos.

Antes, além do Santos, a Ponte Preta havia vencido o Goiás, por 2 a 1, em Goiânia. Em compensação, o Fluminense completou oito jogos sem vitória. São sete derrotas e um empate. O time carioca é o 12º colocado, com 34 pontos.

O primeiro tempo foi todo da Ponte Preta, que logo aos sete minutos abriu o placar com Borges. Felipe Azevedo puxou contra-ataque e serviu o experiente atacante. Ele chutou forte, de direita. Sem chance para Diego Cavalieri. Animado, o time campineiro seguiu no ataque e teve um pênalti a seu favor aos 25 minutos. Diego Oliveira invadiu a área e foi derrubado por Renato. O volante Fernando Bob foi para a cobrança e ampliou.

Antes do intervalo a Ponte chegou ao terceiro gol. Diego Oliveira fez bela jogada, passou por Douglas e cruzou. Marlon se enrolou com a bola e mandou contra o próprio gol.

No segundo tempo o Fluminense esboçou uma reação. Logo a um minuto, Gustavo Scarpa tabelou com Fred e descontou: 3 a 1. Mas a Ponte Preta administrou o resultado e só esperou o apito final para comemorar mais três pontos.

A Ponte Preta volta a campo no próximo domingo para enfrentar o Atlético-PR, às 11 horas, na Arena da Baixada, em Curitiba. De outro lado, o Fluminense, que na quarta-feira enfrenta o Grêmio, pelas quartas de final da Copa do Brasil, volta a jogar no Brasileirão no sábado, contra o Goiás, às 18h30, no Maracanã.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 3 X 1 FLUMINENSE

PONTE PRETA - Marcelo Lomba; Rodinei, Ferron, Fábio Ferreira e Juninho; Fernando Bob, Elton e Cristian (Clayson); Felipe Azevedo, Borges (Keno) e Diego Oliveira(Alexandro). Técnico: Doriva.

FLUMINENSE - Diego Cavalieri; Renato, Gum, Marlon e Léo Pelé; Douglas (Ronaldinho Gaúcho), Edson, Cícero e Gustavo Scarpa (Wellington Paulista); Osvaldo (Marcos Júnior) e Fred. Técnico: Eduardo Baptista.

GOLS - Borges, aos sete, Fernando Bob, aos 25, e Marlon (contra), aos 41 minutos do primeiro tempo; Gustavo Scarpa, a um minuto do segundo tempo.

ÁRBITRO - André Luiz de Freitas Castro (GO).

CARTÕES AMARELOS - Fernando Bob e Juninho (Ponte Preta); Renato, Douglas, Fred e Cícero (Fluminense).

RENDA - R$ 96.720,00.

PÚBLICO - 5.470 pagantes

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.