Ponte Preta vence e complica situação do Figueirense

A Ponte Preta derrotou o Figueirense por 2 a 1, neste sábado, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis. E, com a derrota em casa, o time catarinense ficou mais longe do G-4, o grupo dos quatro primeiros colocados da Série B do Brasileiro.

AE, Agencia Estado

24 de outubro de 2009 | 18h50

O Figueirense segue na quinta colocação, com 51 pontos, mas está agora cinco pontos atrás do Atlético-GO, que é o quarto colocado. Enquanto isso, a Ponte Preta chegou aos 49 pontos e manteve as chances matemáticas de conseguir o acesso.

No primeiro tempo, o Figueirense foi com tudo ao ataque. Isso fez com que a Ponte Preta ficasse no campo de defesa, apostando nos contra-ataques. E foi dessa maneira que o time de Campinas abriu o placar: aos 43 minutos, Evando fez 1 a 0.

Em desvantagem, o Figueirense foi ainda mais ofensivo no segundo tempo. E a Ponte Preta aproveitou novamente o contra-ataque para marcar seu gol. Aos 27 minutos, Vicente avançou pelo lado esquerdo e cruzou para Lins ampliar a vantagem.

No final do jogo, o Figueirense ainda descontou. Aos 41 minutos, após cruzamento para dentro da área, o meia Fernandes se antecipou à defesa da Ponte Preta e tocou para dentro do gol. Mas já era tarde para tentar conseguir o empate.

Pela 33ª rodada da Série B, o Figueirense joga no sábado, quando visita o Brasiliense. E a Ponte Preta atua novamente fora de casa, diante do Vila Nova, na sexta-feira.

FICHA TÉCNICA:

Figueirense 1 x 2 Ponte Preta

Figueirense - Wilson; Toninho (Roberto Firmino), Roger Carvalho (Diego Paulista) e Edson; Lucas, Paulinho (Vinícius Pacheco), Roberto Brum, Fernandes e Egídio; Schwenck e Rafael Coelho. Técnico - Márcio Araújo.

Ponte Preta - Gilson; Dede, Jean, Dezinho e Vicente; Deda, Pirão, Danilo Portugal e Fabiano Gadelha (Willian Favoni); Evando (Marrom) e Finazzi (Lins). Técnico - Wanderley Paiva.

Gols - Evando, aos 43 minutos do primeiro tempo; Lins, aos 27, e Fernandes, aos 41 minutos do segundo tempo.

Árbitro - Gutemberg de Paula Fonseca (RJ).

Cartões amarelos - Egídio, Vinícius Pacheco, Pirão, Fabiano Gadelha e Jean.

Renda - R$ 56.392,50.

Público - 8.527 pessoas.

Local - Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.