Ponte testa equipe contra o Castanhal

A Ponte Preta faz nesta quarta-feira, às 20h30, no estádio Moisés Lucarelli, o segundo jogo contra o Castanhal-PA, pela primeira fase da Copa do Brasil. O time de Campinas tem a vantagem do empate, já que venceu o primeiro confronto, realizado na semana passada, por 1 a 0. Na realidade, o técnico Nelsinho Baptista vai usar este jogo para testar a provável formação que pega o Santos, sábado, também em Campinas, pelo Paulistão.A confiança é tanta que serão feitas várias experiências no time. O lateral-direito Gláucio, que não enfrentou o Mogi Mirim na rodada passada, está de volta ao time. O zagueiro Alex Oliveira ainda não se recuperou da torção no tornozelo e permanece no departamento médico. Em seu lugar, Nelsinho já definiu a entrada de Rodrigo. Com Mineiro também suspenso para o duelo contra o Santos, o técnico vai testar no meio-de-campo Roberto e Fabinho. Outro desfalque é Régis, que voltou a sentir dores na panturrilha direita e está vetado. Macedo vai formar a dupla de ataque com Washington. O ataque, inclusive, foi motivo de discussão na segunda-feira, entre comissão técnica, jogadores e diretoria. A Ponte vem perdendo muitos gols durante os jogos e isso está preocupando a todos no clube.Já o modesto Castanhal, vice-campeão paraense na temporada passada, acredita em um milagre. Mesmo sem ter feito uma boa apresentação na semana passada, o time está confiante. As novidades no time do técnico João Duarte são o volante Edmilson, improvisado na lateral-direita, e Nad no meio-de-campo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.