Ponte Preta/Site oficial
Ponte Preta/Site oficial

Ponte traz ex-jogadores Felipe e Marcelinho Paulista para departamento de futebol

Equipe de Campinas se reestrutura após demissão do técnico Mazola Júnior

Redação, Estadão Conteúdo

06 de fevereiro de 2019 | 17h54

Após a rescisão com o técnico Mazola Júnior, a Ponte Preta tratou de reforçar a gestão do departamento de futebol para a sequência da temporada. Nesta quarta-feira, o clube anunciou o acerto com Felipe, ex-Vasco, para gerente de futebol e de Marcelinho Paulista, ex-volante do Corinthians, para trabalhar ao lado de Fábio Barrozo, gerente das categorias de base.

As duas contratações servirão para facilitar a comunicação entre os departamentos, segundo a direção do clube. Ambos trabalham junto da empresa de marketing esportivo Elenko, que vem atuado ao lado da diretoria.

"Estamos trabalhando já há algum tempo numa reformulação na parte administrativa do futebol profissional e no ano passado já havíamos anunciado a meta de ter mais um homem forte e conhecedor da área, o que teremos agora com o Felipe. Já na base havíamos iniciado o processo de fortalecimento com a chegada do Fábio Barrozo e agora estamos encorpando ainda mais com a chegada do Marcelinho Paulista", avaliou o presidente José Armando Abdalla.

Novo gerente de futebol, Felipe é amplamente conhecido no cenário da bola. Como jogador, ele atuou no Vasco de 1996 a 2002. Também teve passagens por Palmeiras, Atlético Mineiro, Galatasaray, Flamengo, Fluminense, Al Sadd. Teve passagens pelas seleções de base, também sendo convocado para a equipe nacional principal. Depois que encerrou a carreira, chegou a atuar como treinador.

Já Marcelinho Paulista jogou profissionalmente de 1991 a 2005, tendo atuado seleção brasileira, inclusive nos Jogos Olímpicos de Atlanta em 1996. Vestiu a camisa de times como Corinthians, Botafogo, Fluminense, Panionios (Grécia) e Almería (Espanha). Formado em educação física, em 2011 foi gerente de futebol da base do Corinthians e, em 2012 e 2013, do Avaí. Trabalhou depois na HWT Sports, empresa que promove intercâmbio de jovens atletas brasileiros para universidades dos Estados Unidos.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.