Ponte treina de olho no São Caetano

O técnico da Ponte Preta, Nelsinho Baptista, não perde tempo. Depois da vitória sobre o Santos, no sábado, o treinador do time campineiro foi até São Paulo para acompanhar o duelo entre Palmeiras e São Caetano. A intenção era espionar o time do ABC, próximo adversário da Ponte no Campeonato Paulista da Série A-1. O jogo acontece domingo, em São Caetano do Sul, e Nelsinho sabe que se conseguir mais uma vitória, estará com um pé nas semifinais. Nem mesmo os quatro resultados negativos que o adversário acumula atualmente, dois pela Copa Libertadores e dois pelo Paulistão, convencem Nelsinho de que a Ponte Preta é favorita para este duelo. "Temos de ter os dois pés bem firmes no chão. Alcançamos a vice-liderança do campeonato, mas isso não quer dizer que vamos vencer tudo daqui para a frente", avisou o treinador. Curiosamente, o retrospecto da Ponte é inverso ao do São Caetano. O time campineiro venceu os últimos quatros jogos, dois pela Copa do Brasil e dois pelo Paulistão.Dos cinco jogos que ainda fará na competição, três são fora de casa: contra São Caetano, Internacional de Limeira e o Rio Branco. No Majestoso, onde a equipe está invicta, a Ponte joga com a Portuguesa e o União Barbarense. A vitória de sábado sobre o Santos, com gol de Macedo, deu ainda maior motivação ao elenco pontepretano. O time terá o retorno do volante Mineiro, que cumpriu suspensão automática na rodada passada.A Ponte Preta é a segunda colocada no Campeonato Paulista, com 20 pontos - um a menos que o líder São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.