Ponte usa conversa para manter o ritmo

A boa campanha que levou a Ponte Preta à liderança do Campeonato Brasileiro, com 10 pontos em 4 jogos, está surpreendendo muito gente. Mas o técnico Estevam Soares garante que está tudo dentro do que foi planejado."A Ponte Preta se programou para atingir um estágio positivo. O base do grupo foi definida antes do início do campeonato, houve tempo para a comissão técnica trabalhar, tanto na parte física, como técnica e tática. Além disso, contamos com o apoio da diretoria", explicou Estevam.A sua preocupação, agora, é justamente manter o equilíbrio dos seus jogadores, "porque ainda temos muitos jogos a disputar e muita coisa para acertar no time", avisou o treinador da Ponte.Pela manhã desta terça-feira, antes de iniciar os treinos, Estevam e sua comissão técnica tiveram uma longa conversa com os jogadores para expor as dificuldades que vão se apresentar daqui para frente. "Todos vão querer derrubar o líder", afirmou.Com relação ao time que enfrentará o Palmeiras, no sábado, só deve ser definido após o treino coletivo de quinta-feira. Mas o experiente volante Romeu, recuperado de uma forte gripe, deve voltar no lugar de Alan. Na defesa, existe uma dúvida, porque Luiz Carlos cumpriu suspensão automática, mas Gustavo, que estreou em seu lugar, pode continuar no time.No ataque, Weldon está confirmado, depois de ser liberado pelo STJD. Ele corria o risco de pegar até três jogos de suspensão por ter sido expulso no jogo diante do Corinthians, na abertura do campeonato. Mas foi absolvido na segunda-feira, assim como a própria Ponte, que se livrou da ameaça de perder até três mandos de campo por causa de um atrito entre um torcedor e o trio de arbitragem do mesmo jogo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.