Ponte usa folga para articular reação

Precisando somar pontos para fugir do rebaixamento à Segunda Divisão de 2004, a Ponte Preta comemorou, e muito, a folga na tabela do Campeonato Brasileiro devido aos jogos da Seleção Brasileira pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. Segundo o zagueiro Rafael Santos, agora o time terá mais tempo para corrigir os erros para continuar a luta contra o rebaixamento."Com certeza essas duas semanas serão muito importantes, pois poderemos respirar um pouco e corrigir algumas falhas do time", explicou o jovem jogador, que teve atuação muito criticada na derrota para o Santos.Outro que afirmou ter gostado da folga na rodada foi o zagueiro Gerson, que se recupera de uma torção no joelho direito. Ele pretende usar esse período para se recuperar da lesão. "Passarei esses dias trabalhando para conseguir a recuperação o mais rápid o possível. Espero ficar à disposição do professor Abel (Braga) e poder ajudar o grupo no jogo contra o Coritiba (dia 22)", disse Gerson.Caso volte mesmo à equipe, o zagueiro deve cumprir uma função diferente do que vinha fazendo. Como Alan volta, em vez de atuar pelo lado esquerdo, Gerson deve jogar pelo meio ou na direita. Mas o posicionamento deve ser definido somente na próxima semana. Outro zagueiro do time, Rodrigo não participou dos treinamentos desta sexta-feira em virtude de dores musculares. A Ponte ocupa a 22ª posição na tabela, com 45 pontos. Seus últimos jogos serão contra Coritiba, fora, São Paulo, em casa, Flamengo, no Rio, e Fortaleza, em Campinas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.