Ponte vai ser cautelosa em Curitiba

Ainda sem todos o reforços pedidos e preocupado em começar bem o Campeonato Brasileiro, o técnico Vadão ainda não confirmou o time da Ponte Preta para a estréia contra o Atlético-PR, domingo, em Curitiba. Mesmo assim, ele deve manter o esquema defensivo 4-5-1 usado nas duas últimas partidas do Paulistão, diante do São Paulo e do Santo André. Os dois únicos reforços confirmados até agora, os atacantes Izaías e Gabriel, já estão inscritos e devem ficar como opção no banco de reservas nesta partida de estréia. "Conseguimos realizar duas boas partidas neste esquema. Apesar da derrota para o Santo André, o time teve um bom desempenho. Por isso, dificilmente vamos mudar", revelo Vadão. Na manhã desta quarta-feira, a diretoria da Ponte Preta praticamente acertou a contratação do zagueiro Thiago Mathias, que está no Paulista de Jundiaí. Como seus direitos pertencem ao Palmeiras, a negociação ficou facilitada, pois os dois clubes mantêm um bom relacionamento. Outro reforço que deverá ser anunciado nos próximos dias é o meia Diguinho, que atuou pelo Mogi Mirim. O meia Rodriguinho, do Atlético-PR, e o lateral-direito Paulinho, do Bahia, continuam nos planos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.