PontePress/FábioLeoni
PontePress/FábioLeoni

Ponte vence a 3ª seguida e deixa Figueirense em jejum de oito jogos

Equipe de Campinas chega aos 46 pontos, cinco a menos do que o quarto colocado CSA, com mais seis jogos pela frente

Estadão Conteúdo

19 Outubro 2018 | 23h46

A Ponte Preta venceu a terceira partida seguida e segue em campanha de recuperação na Série B do Campeonato Brasileiro, em busca de uma vaga no G4 - a zona de acesso à primeira divisão. Nessa sexta-feira à noite, o time de Gilson Kleina bateu o Figueirense por 2 a 1, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pela 32ª rodada.

Com a vitória, a Ponte chega aos 46 pontos, cinco a menos do que o quarto colocado CSA, com mais seis jogos a serem disputados. O Figueirense, com 41 pontos, chegou ao oitavo jogo - sexto com Rogério Micale - sem vitória e segue no meio da tabela, com 41 pontos, na 11ª colocação. O acesso já parece descartado pelo time catarinense, e o rebaixamento também está distante, já que o Sampaio Corrêa, primeiro time dentro da zona da degola, tem apenas 32 pontos.

A Ponte Preta começou melhor e abriu o placar. Na primeira descida do Figueirense, aproveitou o contra-ataque para fazer o gol. Matheus Vargas ganhou a bola ao esticar a perna, se levantou e tocou para André Luís, que driblou o goleiro e empurrou contra o gol vazio.

Aos 20 minutos, Lucas Mineiro quase ampliou. Danilo Barcelos cobrou escanteio da direita e o volante subiu mais que a marcação para cabecear e acertar o travessão. O ritmo caiu na reta final da primeira etapa e o jogo só ganhou em emoção no segundo tempo. Aos dez minutos, novamente em cobrança de escanteio de Danilo Barcelos, o zagueiro Léo Santos completou de cabeça e marcou o segundo.

A resposta do Figueirense, no entanto, demorou apenas dois minutos. João Paulo levantou a bola para a área, Lucas Mineiro tentou cortar e a bola tocou em Henrique Trevisan caindo nas redes.

Nos minutos finais, o Figueirense partiu para o ataque e tentou pressionar, mas sofreu com os contragolpes perigosos da Ponte. Mesmo assim, o placar não se alterou mais e o time da casa garantiu a vitória.

A Ponte Preta volta a campo na próxima sexta-feira, quando visita o líder Fortaleza, no Castelão, pela 33.ª rodada da Série B. No sábado, dia 27 de outubro, é a vez do Figueirense enfrentar o rival Criciúma no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).

FICHA TÉCNICA:

PONTE PRETA 2 x 1 FIGUEIRENSE

PONTE PRETA - Ivan; Ruan, Renan Fonseca, Léo Santos e Danilo Barcelos; João Vitor, Lucas Mineiro, Matheus Vargas (Hyuri) e Tiago Real (Paulinho); Júnior Santos e André Luís (Roberto). Técnico: Gilson Kleina.

FIGUEIRENSE - Denis; Diego Renan (Marco Antônio), Pereira, Henrique Trevisan e João Paulo; Zé Antônio, Betinho (Daniel Costa) e Matheus Sales; Felipe Amorim, Elton e Juninho (Gustavo Ferrareis). Técnico: Rogério Micale.

GOLS - André Luís, aos 10 minutos do primeiro tempo; Léo Santos, aos 10, e Henrique Trevisan, aos 12 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - João Vitor e Lucas Mineiro (Ponte Preta); Henrique Trevisan e Zé Antônio (Figueirense).

ÁRBITRO - Marcelo de Lima Henrique (RJ).

RENDA - R$ 35.860,00.

PÚBLICO - 2.811 pagantes.

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.