Ponte vence com 3 gols de Fabrício Carvalho

A Ponte Preta bateu o Fortaleza, por 3 a 2, neste domingo pela manhã, no Estádio Castelão. Partida válida pelo Campeonato Brasileiro da Série A . Fabrício Carvalho marcou os três gols do time paulista. Esta é a segunda vitória consecutiva da Ponte. "Perdemos para nós mesmos", lamentou o técnico do Fortaleza, Luiz Carlos Cruz, ao término da partida. De acordo com ele, o time cearense foi "incompetente" nas finalizações e falhou na defesa. O público de mais de 19 mil torcedores (entre pagantes e não pagantes) saiu decepcionado com o futebol apresentado pela equipe cearense. A Ponte abriu o placar aos cinco do primeiro tempo. Numa jogada na pequena área, Fabrício Carvalho levou a melhor contra seis jogadores do Fortaleza que subiram, mas não encontraram a bola. O Fortaleza empatou aos 46 minutos. Num pênalti batido por Vinícius, que chutou a bola no canto esquerdo do goleiro Lauro. O Fortaleza voltou mais ofensivo no segundo tempo. Mas, desperdiçou quatro chances. E, aos 11, após cobrança de falta, Fabrício Carvalho deu a vantagem novamente para a Ponte, marcando seu segundo gol na partida. Os jogadores do Fortaleza reclamaram, dizendo que o atacante do time paulista teria usado a mão. O árbitro pernambucano, Antonio Rodrigues de Sousa, no entanto, validou o gol. Aos 14, Finazzi igualou o placar mais uma vez. Num bate-rebate na área, ele finalizou. Aos 20, o técnico da Ponte, Abel Braga, fez a primeira modificação, colocando Roger no lugar de Jean. E atendendo ao apelo da torcida, Cruz também mexeu no Fortaleza, aos 33: Clodoaldo substituiu Finazzi. Aos 38, Fabrício Carvalho aproveitou indecisão da zaga do Fortaleza e marcou o gol da vitória da Ponte. O Fortaleza ainda brigou pelo empate, que não veio. No final, Sérgio perdeu uma grande oportunidade. Com a vitória, a Ponte soma 27 pontos em 21 jogos. Na quarta-feira, pega o Goiás, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia. Já o Fortaleza tem 22 pontos, em 22 partidas. No próximo domingo, encerra sua participação no primeiro turno contra o Coritiba, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba.

Agencia Estado,

27 de julho de 2003 | 13h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.