Ponte vence Goiás no adeus de Harison

Na sua despedida com a camisa da Ponte Preta, o meia Harison abriu o caminho para a vitória do time campineiro sobre o Goiás, por 2 a 0, neste sábado à noite, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Ele marcou o primeiro gol no primeiro tempo, cobrando falta, com Kahê completando, de cabeça, no segundo. A vitória deixou a Ponte com 17 pontos, na vice-liderança isolada, enquanto o Goiás, com 11 pontos, perdeu duas posições e ocupa o 10.º lugar. Ao marcar o primeiro gol do jogo, aos 31 minutos, o meia Harison vibrou muito, correu em direção da torcida e subiu no alambrado. Ele foi negociado com o União Leiria, de Portugal, por US$ 1,5 milhão, mas antes de partir teve uma grande atuação. "Fico feliz porque a torcida aqui sempre me apoiou e a diretoria apostou no meu futebol", resumiu o craque da noite, emocionado e chorando, que deixou o campo aos 38 minutos do segundo tempo para a estréia do atacante Frontini. Na saída de campo, Harison foi aplaudido de pé pela torcida que gritava o já esperado: "fica, fica". O meia deixa o Majestoso com dois gols no Brasileiro e mais sete no Campeonato Paulista. Na verdade, o primeiro tempo foi equilibrado. A Ponte deu sorte no lance de falta, que desviou na barreira e enganou o goleiro Harlei. No segundo tempo, o Goiás teve que sair e ficou exposto aos perigosos contra-ataques da Ponte. O segundo gol aconteceu aos 21 minutos, quando Danilo, com inteligência, tentou encobrir o goleiro Harlei, que desviou a bola, ela tocou no travessão e sobrou para o complemento, de cabeça, de Kahê: 2 a 0. É o quarto gol dele na competição. Não havia mais como o time goiano reagir. Na nona rodada, a Ponte Preta vai enfrentar o Juventude, em Caxias do Sul, no próximo sábado. O Goiás tentará a reabilitação em casa diante do Coritiba, domingo, dia 26.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.