Ponte vence o Santos e vira líder

Sem criatividade e poder ofensivo, o Santos voltou a decepcionar no Campeonato Paulista. Em um jogo de baixo nível técnico, o time da Vila Belmiro perdeu para a Ponte Preta por 1 a 0, neste sábado, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, e vê suas chances de classificação para a próxima fase ficarem remotas. Com esta vitória, a Ponte Preta assumiu a liderança do Paulistão. Tem 20 pontos, assim como o Rio Branco (enfrenta a Portuguesa Santista neste domingo), e duas vitórias a mais. Já o Santos permanece com 14 pontos, mas caiu para a oitava posição na tabela e pode, após o complemento da rodada, despencar ainda mais.A crise deve estourar na Vila Belmiro. O time perdeu pela quarta vez seguida no Estadual, tem problemas com a Fifa por causa da falta do pagamento do passe de Caio à Inter de Milão e terá dirigentes investigados pela CPI do Futebol.O jogo foi sonolento. Muitos erros de passes, faltas e chutões de ambos os lados. Os goleiros nem foram muito exigidos. Com a ausência de Robert, contundido, e Léo, suspenso, além do castigo dado a Dodô - ficou no banco -, Geninho armou uma equipe com três volantes, determinado a empatar. Conseguiu segurar a Ponte Preta na primeira etapa. Porém, viu seus planos desmoronarem aos 14 minutos do segundo tempo. Elivélton cruzou, Macedo recebeu a bola, livrou-se de seu marcador e chutou: 1 a 0.Em desvantagem, o Santos teve que mudar a tática. Trocou Marcelo Silva e Caíco por Caio e Dodô, respectivamente. De nada adiantou. Os dois atacantes pouco tocaram na bola. Para piorar, perdeu Claudiomiro, contundido. Já tinha feito as três modificações. A Ponte Preta administrou a vantagem, tocando a bola, deixando o tempo passar. Manteve a invencibilidade em casa e assumiu a liderança do campeonato.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.