Djota Carvalho/PontePress
Djota Carvalho/PontePress

Ponte volta aos treinos com trabalho físico e Kleina mantém mistério na defesa

Primeiro jogo da final contra o Corinthians será domingo

Estadao Conteudo

25 de abril de 2017 | 19h38

Com muita discrição e mantendo o foco na final do Campeonato Paulista, o elenco da Ponte Preta se apresentou na tarde desta terça-feira, no centro de treinamento do Jardim Eulina, em treino aberto à imprensa. O plano traçado pela comissão técnica é manter o trabalho trivial, preferencialmente longe da euforia e do assédio da torcida. O primeiro jogo da final, contra o Corinthians, está marcado para as 16 horas do próximo domingo, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

Durante o treino desta terça, os titulares trabalharam na academia e depois fizeram apenas um treino regenerativo. Os reservas treinaram um pouco mais intensamente na parte física. As novidades foram as presenças do lateral-direito Nino Paraíba e do meia Renato Cajá, totalmente recuperados de lesões musculares. Ambos não fizeram parte do grupo que foi até ao Allianz Parque para enfrentar o Palmeiras, no segundo jogo da semifinal.

"Este era mesmo o nosso objetivo. Deixar estes dois jogadores 100% condicionados, mesmo porque não renderiam dentro de um jogo tão importante como foi aquela diante do Palmeiras", explicou o médico Roberto Nishimura. Ele seguiu à risca a orientação da comissão técnica, que só quer trabalhar com "jogador 100%" tanto na parte física, como médica e técnica.

DÚVIDAS

O técnico Gilson Kleina já avisou que ele vai testar durante a semana, provavelmente na quinta-feira, as possíveis mudanças no setor defensivo. O zagueiro Marllon, com três cartões amarelos, está suspenso. Reynaldo, que vinha atuando na lateral-esquerda, volta ao time depois de cumprir suspensão.

Existe até a possibilidade de Reynaldo entrar na vaga de Marllon, com a manutenção de Artur na lateral. Mas Reynaldo poderia voltar à lateral, com a entrada do experiente Fábio Ferreira no miolo de defesa. Estas dúvidas, com certeza, vão se empurradas até momentos antes do primeiro jogo contra o Corinthians, no domingo.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolCorinthiansfutebolCorinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.