Sven Hoppe/AFP
Sven Hoppe/AFP

Por causa da covid, prefeitura de Munique proíbe público no jogo Bayern x Schalke

Cidade alemã registra aumento de casos e por precaução, não terá torcida na abertura do Campeonato Alemão

Redação, Estadão Conteúdo

17 de setembro de 2020 | 13h38

Dieter Reiter, prefeito de Munique, não autorizou a presença de público no jogo entre Bayern e Schalke 04, nesta sexta-feira, na abertura da temporada 2020/2021 do Campeonato Alemão. O motivo é o aumento de casos de coronavírus na cidade alemã.

Segundo a prefeitura, Munique atualmente está com uma média de 45 casos de coronavírus para cada 100 mil habitantes, superando o limite de 35. Desta forma, não será possível receber na Allianz Arena os 7,5 mil espectadores previstos, o que seria 10% da capacidade do estádio.

A presença dos torcedores nas partidas será discutida a cada rodada e existe a possibilidade de os clubes contarem com um público de até 20% da capacidade do estádio. Tudo vai depender da situação da pandemia.

Campeão da Europa, o Bayern teve apenas uma semana de treinamentos com o técnico Hansi Flick, que poderá contar com a estreia de Leroy Sané, recentemente contratado do Manchester City. Em compensação, a equipe não terá mais a presença no meio de campo de Thiago Alcântara, negociado com o Liverpool.

Campeão desde a temporada 2012/2013, o Bayern sonha em conquistar a nona taça nacional consecutiva, mas terá um início complicado, pois o duelo com o Schalke é considerado um clássico e o time de Gelsenkirchen vem de uma preparação de cinco semanas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.