Por indisciplina, meia Élson é dispensado pelo Cruzeiro

A diretoria do Cruzeiro anunciou nesta quinta-feira que o meia Élson não defenderá mais o clube por motivo de indisciplina. O jogador, que não participou de nenhum dos treinos desta semana, havia manifestado insatisfação por ter sido colocado no banco de reservas pelo técnico Paulo Autuori.Com passagem pelo Palmeiras, Élson estava no Cruzeiro desde maio de 2006. "Vamos repassá-lo para outro time", revelou o diretor de comunicação do clube mineiro, Valdir Barbosa. "Queríamos rescindir o contrato de empréstimo que temos com o Stuttgart, mas os alemães não aceitaram. Assim, ele terá de procurar outro lugar."Élson, de 25 anos, deve retornar para Belo Horizonte na próxima segunda-feira, onde definirá sua situação com os dirigentes. Caso não consiga encontrar um outro clube, o jogador ficará treinando em separado do elenco. Ao todo, Élson disputou 26 paridas pelo Cruzeiro - só marcou um gol.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.