Juan Medina/Reuters
Juan Medina/Reuters

Por Pratto, título do River vai render R$ 4,4 milhões ao São Paulo

Atacante marcou em vitória sobre o Boca Juniors, pela final da Libertadores

Estadão Conteúdo

09 Dezembro 2018 | 21h18

O São Paulo vai comemorar o título conquistado pelo River Plate na Copa Libertadores, neste domingo, em Madri. O troféu obtido pela equipe argentina vai render 1 milhão de euros (cerca de R$ 4,4 milhões) ao clube paulista por conta da negociação que levou o atacante Lucas Pratto ao time de Buenos Aires.

Este valor foi estipulado em contrato na época da venda do atleta para o time argentino. Na negociação, algumas metas foram estipuladas em cláusulas específicas e uma delas era o título da Copa Libertadores, que renderia esta soma à equipe do Morumbi. O São Paulo ainda não se manifestou sobre quando receberá este valor.

Antes de brilhar com a camisa do River Plate - fez gol nos dois jogos da final -, Pratto se destacou no Brasil atuando tanto pelo Atlético-MG quanto pelo São Paulo. Ele desembarcou em solo brasileiro em 2015 e foi artilheiro e líder da equipe mineira.

Dois anos depois, ele foi comprado a peso de ouro pelo São Paulo, que pagou cerca de 6 milhões de euros (cerca de R$ 26 milhões em valores atuais) por 50% dos direitos econômicos do centroavante.

Neste domingo, Pratto teve atuação decisiva no estádio Santiago Bernabéu, em Madri. Foi dele o gol de empate da partida. Na sequência, o River Plate virou o jogo sobre o Boca Juniors na prorrogação e venceu por 3 a 1, sacramentando a conquista.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.