Por reabilitação, Botafogo enfrenta o Náutico na Arena Pernambuco neste sábado

O Botafogo vai ao Recife para enfrentar o Náutico neste sábado, às 17h30 (de Brasília), na Arena Pernambuco, no Recife, pela 32.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Após ser derrotado em casa na última rodada pelo Ceará, o time alvinegro precisa vencer para garantir o iminente retorno à elite do futebol nacional. Já o clube pernambucano, na sexta posição com 49 pontos, busca a vitória em casa para chegar ao G4.

Estadão Conteúdo

24 de outubro de 2015 | 08h05

Líder da competição com 59 pontos, o Botafogo tenta se recuperar do tropeço no Engenhão na última terça-feira. O time jogou em ritmo lento e não conseguiu garantir os três pontos contra o Ceará e, com isso, ampliar a vantagem sobre o Vitória, o segundo colocado. Por conta da derrota, a classificação para a Série A teve que ser adiada por mais algumas rodadas. "O quase é nada, não existe. Tem muita coisa na frente, não estamos garantidos em nada. Perdemos boa oportunidade de viajar com mais três (pontos). Vamos viajar com mais seis. Temos que aumentar a agressividade", declarou o técnico Ricardo Gomes.

Para a partida deste sábado, o clube de General Severiano tem duas dúvidas. Uma é quem jogará no lugar de Fernandes, que sofreu uma lesão no joelho. Daniel Carvalho, que entrou na última partida, e Octávio, titular nos últimos dois jogos, disputam a vaga. No ataque, Neilton está suspenso e seu substituto ainda não foi revelado. Sassá e Lulinha brigam para fazer dupla com o uruguaio Navarro.

No clube pernambucano, o clima é de final de campeonato. Perto do G4, o técnico Gilmar Dal Pozzo investirá na velocidade para superar o primeiro colocado da Série B. Quebrando o mistério que geralmente envolve as suas escalações, ele revelou o time que irá a campo na Arena Pernambuco. A surpresa é a entrada do atacante Guilherme Biteco no lugar de Bérgson, suspenso.

"Vejo no Botafogo um time muito equilibrado. O William, volante deles, vive um grande momento, talvez o melhor dentre o elenco deles. Mas é o coletivo que chama a atenção. O time dá poucos espaços ao adversário. Eles são muito competitivos. Teremos de fazer um jogo bastante seguro e aproveitando nossa velocidade e posse de bola, que apresentamos diante do Santa Cruz e durante a nossa semana de trabalho", afirmou Dal Pozzo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BBotafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.