Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Por segurança, Corinthians não deve ter festa caso seja campeão

Temor é que aconteça confrontos entre torcedores no deslocamento até a arena alvinegra, eventual local da celebração

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

06 de abril de 2018 | 17h02

 O Corinthians não fará nenhuma festa no domingo, caso conquiste o Campeonato Paulista diante do Palmeiras. O temor é que a celebração cause transtornos na cidade, pelo fato do jogo ser no Allianz Parque, reduto alviverde. A preocupação é com o deslocamento de torcedores para o Parque São Jorge ou Arena Corinthians, locais que poderiam receber a festa alvinegra.

+ Emerson Sheik pode prorrogar contrato com o Corinthians

+ Corinthians espera reunião com agentes de Balbuena nesta sexta-feira

 

Durante a partida, haverá um evento do Fiel Torcedor no camarote festa da arena, restrito à sócios convidados do programa de sócio-torcedor do Corinthians. Após o jogo, não há programado nenhum evento no estádio. 

 

O clube chegou a estudar a possibilidade de fazer algum evento em sua casa, mas desistiu por preocupação com a segurança dos torcedores, pois a maioria iria de transporte público para o estádio e poderia haver encontro de organizadas nas estações de trem e metrô.  

 

A Federação Paulista informou que está programada a entrega da taça para o campeão, mesmo se ele for o Corinthians. Todo o processo tradicional, com entrega de medalhas e premiações serão realizados normalmente. A única coisa que não deverá ocorrer é a volta olímpica, mas por decisão do clube. 

 

Se conseguir reverter a situação e ficar com o título, o Corinthians deve fazer festa com sua torcida no próximo domingo, dia 15, quando a equipe alvinegra estreia no Campeonato Brasileiro, diante do Fluminense, em confronto que será realizado na Arena Corinthians. 

 

Nesta sexta-feira, a partir das 20h, o time treinará na Arena Corinthians. O torcedor trocou 1 kg de alimento não perecível pelo ingresso ao treino e, segundo o clube, foram trocados 41,5 mil ingressos.  

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.