Porto e Benfica ficam no empate

Sobrou disposição, mas faltou futebol nesta segunda-feira à noite, no 1 a 1 no clássico entre Porto e Benfica pela 23ª rodada do Campeonato Português. O resultado mantém as duas equipes na liderança, com 42 pontos. A partida foi bastante equilibrada e as duas equipes mostraram pouca objetividade. Os gols foram marcados no segundo tempo. O sul-africano McCarthy fez para o Porto aos 21 minutos e o brasileiro Geovanni empatou dez minutos depois.O fato de o campeonato deste ano ser o mais equilibrado dos últimos tempos ? o Braga e o Boavista têm 40 pontos -, levou 50.218 pessoas ao Estádio do Dragão. Mas o jogo, bastante ?amarrado??, não agradou. O resultado serviu para o Porto manter o tabu de não perder para o Benfica como mandante desde 1991.Os brasileiros em campo tiveram atuações tão discretas quanto o nível técnico da partida. Pelo Benfica, Luisão ficou até o final da partida e Geovanni foi substituído por João Pereira a seis minutos do encerramento. Os dois brasileiros foram advertidos com cartão amarelo. No Porto, Ibson ficou em campo do início ao fim, mas Diego ? que nesta segunda completou 20 anos ?, deu lugar aos 39 minutos da etapa final a outro brasileiro, Luís Fabiano.

Agencia Estado,

28 de fevereiro de 2005 | 19h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.