Porto leva cinco brasileiros ao Japão

Cinco brasileiros foram convocados pelo técnico Victor Fernandes, do Porto, para a final do Mundial Interclubes, que ocorrerá domingo, em Yokohama, contra o Once Caldas, clube colombiano. Além do meia Diego, ex-Santos, viajaram nesta quarta-feira para o Japão Carlos Alberto, Luís Fabiano, Pepe e Derlei.O clube português mal comemorou a classificação às oitavas-de-final da Copa dos Campeões, após vencer, de virada, o Chelsea, por 2 a 1, na terça-feira, e já embarcou para o Japão em busca do seu segundo título mundial de clubes: ganhou em 1987 sobre o Peñarol, por 2 a 1.Antes da viagem, os jogadores participaram de um treino leve. Até o presidente do clube, Jorge Nuno Pinto da Costa, acusado de diversos crimes de corrupção e em liberdade provisória, compareceu brevemente à sessão de preparação.O goleiro Vitor Baía, um dos ídolos da equipe, também foi relacionado. Maniche, Diego, Jorge Costa e Derlei têm contusões leves e seguem o tratamento médico até a hora do jogo. Foram cortados Nuno Valente e Raúl Meireles, machucados.O Once Caldas já se encontra em Yokohama para se acostumar com o fuso horário. Nesta quarta-feira, o técnico Luis Montoya deu uma entrevista coletiva e disse que vê equilíbrio entre as duas equipes. "A final do Mundial é um bonito desafio, e podemos mostrar que mesmo com pouco dinheiro dá para montar um time campeão", disse Montoya.O árbitro uruguaio Jorge Larrionda foi designado ontem para apitar a grande decisão. Seus auxiliares serão o paraguaio Amelio Andino e o peruano Winston Reategui. O quarto árbitro será indicado pela Confederação Asiática de Futebol.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.