Portsmouth derrota Sunderland, que segue ameaçado

Já livre da ameaça de rebaixamento, o Portsmouth entrou em campo nesta segunda-feira para disputar o jogo que fechava a 37.ª e penúltima rodada do Campeonato Inglês, que já tem o Manchester United como campeão antecipado. Jogando em casa, a equipe tomou um susto, ao sair perdendo, mas conseguiu a virada por 3 a 1 sobre o Sunderland e deixou o adversário em situação complicada.

AE, Agencia Estado

18 de maio de 2009 | 19h21

Depois de um primeiro tempo sem gols, o atacante Kenwyne Jones, de Trinidad e Tobago, abriu o placar para o Sunderland aos 14 minutos do segundo tempo. Mas a alegria dos visitantes durou pouco, e o nigeriano Utaka empatou logo na sequência. Aos 23, Bardsley acabou marcando contra e decretou a virada dos mandantes. Já aos 43, o francês Traore marcou o terceiro para o Portsmouth.

Enquanto o time vencedor está em 14.º, com 41 pontos, o Sunderland segue perto da zona de perigo e corre sério risco de rebaixamento. A equipe aparece na 16.ª posição, com 36 pontos, a dois do Newcastle, primeiro time no descenso. Na última rodada, domingo, o Sunderland recebe o terceiro colocado Chelsea e precisa da vitória para se salvar sem depender de outros resultados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.