Darren Staples / Reuters
Darren Staples / Reuters

Português Guerreiro passa por cirurgia e desfalcará o Dortmund por até 4 meses

Antes mesmo da temporada começar, time alemão já tem quatro atletas lesionados

Estadão Conteúdo

10 de julho de 2017 | 11h22

Antes mesmo do início da temporada 2017/2018 do futebol europeu, o Borussia Dortmund sofreu uma baixa. Nesta segunda-feira, o clube alemão comunicou que o meio-campista português Raphaël Guerreiro passou por uma cirurgia no pé e vai desfalcar o time por um período entre três e quatro meses.

De acordo com o Dortmund, Guerreiro se lesionou durante partida contra a Rússia pela Copa das Confederações. Ele não voltou mais a ser utilizado pela seleção portuguesa na competição, mas a avaliação inicial era de que ele apenas havia sofrida uma lesão no pé. Posteriormente, porém, a fratura foi detectada em exames realizados na Alemanha.

"Os exames realizados em Dortmund revelaram que o jogador da seleção portuguesa sofreu uma ruptura clara no pé", anunciou o clube. "Ele estará fora até outubro/ novembro após a cirurgia", acrescentou o Dortmund no seu comunicado oficial.

Guerreiro, de 23 anos, disputou 35 partidas pelo Dortmund na última temporada, com nove gols marcados. Agora ele se juntará a um grupo de desfalques do clube que já contava com o atacante Marco Reus e os meio-campistas Julian Weigl and Shinji Kagawa.

O primeiro jogo oficial do Dortmund na temporada 2017/2018 será em 5 de agosto, quando o time vai encarar o Bayern de Munique, em casa, pela Supercopa da Alemanha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.