Portuguesa corre atrás de um atacante

A diretoria da Portuguesa corre desesperadamente atrás de um atacante para substituir Washington - contratado pelo Palmeiras - na disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. A estréia acontece neste sábado à noite, contra o Guarani, no Estádio do Canindé. O nome mais comentado no clube é o de Leandro Amaral, aquele que despontou na própria Lusa e já teve passagens por Corinthians, Palmeiras e São Paulo. "Estamos trabalhando alguns nomes, mas, infelizmente, não temos tantas opções no mercado", lamenta o diretor de futebol Fernando Gomes. "Quem sabe não encontramos um outro Washington por aí."Para evitar que outros jogadores deixem o clube, a diretoria prioriza as renovações de contratos. No início do ano, sem muita perspectiva, os dirigentes preferiram fazer contratos curtos, somente para o Campeonato Paulista. Agora, com a manutenção do técnico Giba, lutam para não perder seus atletas. O goleiro Gléguer e os meio-campistas Cléber, Wilton Goiano e Alexandre já estão garantidos até o fim do ano. O próximo a ter a vida regularizada é o zagueiro Altair, que interessaria a Santos e Vasco. "Ainda estamos conversando, mas pelo jeito ele vai ficar aqui. Está tudo tranqüilo", completa Gomes. Além da reformulação, a diretoria não descarta a possibilidade de contratações. O volante Ramalho, do Santo André, interessa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.