Portuguesa empata com ABC e mantém penúltimo lugar

Em crise, equipe paulista não consegue sair do 0 a 0 na Arena das Dunas, em Natal, e aumenta série de jogos sem vencer na Série B

Estadão Conteúdo

12 de agosto de 2014 | 21h44

Em jogo muito fraco tecnicamente e sem grandes emoções, a Portuguesa não conseguiu se recuperar na Série B do Campeonato Brasileiro. Na abertura da 16.ª rodada, a equipe paulista ficou no empate sem gols contra o ABC, na Arena das Dunas, em Natal, nesta terça-feira.

Ainda sem vencer desde a parada da Copa do Mundo, a Portuguesa segue na zona de rebaixamento, na 19.ª e penúltima posição, com apenas 13 pontos. O ABC, por sua vez, está estacionado no meio da tabela de classificação com 21.

Os times fizeram um primeiro tempo muito fraco, sem grandes emoções. ABC e Portuguesa abusaram dos passes errados e não conseguiram construir jogadas que levassem perigo aos goleiros. A falta de criatividade e técnica fez com que os chutes de fora da área foram as principais jogadas, sem levar tanto perigo. Sendo assim, Gilvan e Rafael Santos só assistiram a primeira etapa.

Após ir para os vestiários sob vaias, o ABC voltou mais ligado para o segundo tempo, tentando controlar a partida. O time potiguar, no entanto, encontrou dificuldades em encontrar o caminho do gol. Os donos da casa sofreram com o bloqueio feito pela Portuguesa no campo de defesa e só levou perigo aos 27 minutos em finalização cruzada de Renato, que obrigou Rafael Santos fazer boa defesa.

A resposta da Portuguesa veio em contra-ataque puxado por Marcelinho, logo em seguida. O atacante arrancou e deixou Domivânio livre para marcar, mas o jovem exagerou e bateu por cima. Um jogo com cara de Série B.

Os dois times voltam a campo na próxima terça, quando a Série B terá a 17.ª rodada completa. O ABC encara o Ceará, em Fortaleza, às 19h30, enquanto que a Portuguesa recebe o Avaí, às 21h50, no estádio do Canindé, em São Paulo.

FICHA TÉCNICA

ABC 0 x 0 PORTUGUESA

ABC - Gilvan; Renato, Sueliton, Marlon e Michel Benhami; Fábio Bahia, Daniel Amora, Liel (Junior Timbó) e Rogerinho (João Henrique); João Paulo e Rodrigo Silva (Dênis Marques). Técnico: Zé Teodoro.

PORTUGUESA - Rafael Santos; Régis, Brinner, Diego Augusto e Jean Mota; Jociner, Marcos Assunção (Maycon) e Dinélson (Domivânio); Marcelinho, Serginho e Caio (Alan Dias). Técnico: Silas Pereira.

CARTÕES AMARELOS - Diego Augusto e Jean Mota (Portuguesa).

ÁRBITRO - Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE).

RENDA - R$ 85.325,00.

PÚBLICO - 4.822 pagantes.

LOCAL - Arena das Dunas, em Natal (RN).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BABCPortuguesa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.