Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Portuguesa libera 10 jogadores e começa reformulação para Série D do Brasileiro

Time do Canindé escapou do rebaixamento na última rodada do Campeonato Paulista da Série A2

Estadao Conteudo

25 de abril de 2017 | 19h10

Mesmo derrotada por 2 a 1 para o XV de Piracicaba, no último domingo, a Portuguesa escapou do rebaixamento na última rodada do Campeonato Paulista da Série A2 - a segunda divisão estadual. Focada na preparação para a Série D do Campeonato Brasileiro e com o objetivo de aliviar a pressão pela campanha ruim no ano até aqui, a diretoria do clube anunciou a dispensa de 10 jogadores do atual elenco.

Foram desligados o zagueiro Basualdo, o lateral-direito Bruno Santos, o lateral-esquerdo Rômulo, os meias Sandro Silva, Bruno Farias e Mateos Bustos, além dos atacantes Rodolfo, Bruno Silva e Danilo. Mais dispensas podem ser divulgadas nos próximos dias.

Segundo o presidente da Portuguesa, Alexandre Barros, a cúpula rubro-verde realizou uma reunião que durou das 15 horas até meia noite, na última segunda-feira, para decidir os nomes que seriam inclusos na lista. "Entendemos que algumas peças precisavam ser alteradas e já estamos negociando as reposições e reforços", disse o mandatário.

Nesta quinta-feira, os jogadores que ainda têm contrato com o clube se reapresentam no CT do Parque Ecológico, na zona leste de São Paulo, para iniciar a preparação para a Série D. A estreia da Portuguesa será no dia 21 de maio contra a Desportiva-ES, no estádio do Canindé, na capital paulista.

Enquanto isso, o clube se esforça para contratar reforços, que devem ser anunciados na próxima semana. O técnico Estevam Soares continua à frente do time, agora tendo como fisicultor José Roberto Portella.

Tudo o que sabemos sobre:
PortuguesafutebolPortuguesa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.