Arquivo/AE
Arquivo/AE

Portuguesa nega venda de Edno e ironiza Corinthians

Presidente Da Lupa diz que time de Parque São Jorge quer oferecer quatro jogadores 'encostados' em troca

AE, Agencia Estado

14 de maio de 2009 | 17h12

O técnico Mano Menezes já revelou que o Corinthians está interessado no atacante Edno, da Portuguesa. Mas o presidente da Lusa, Manuel da Lupa, negou a venda do jogador para qualquer clube brasileiro e ainda ironizou o interesse do rival.    

 

Veja também:

especial Visite o canal especial do Brasileirão

especial Jogue o Desafio dos Craques

tabela Brasileirão Série A - Classificação e Calendário

tabela Brasileirão Série B - Classificação e Calendário

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão 

"Isso é cascata do Corinthians. Eu também quero o Ronaldo e que o Corinthians pague o salário dele até o final do ano. Não existe isso. Eles [Corinthians] vão querer me dar quatro jogadores encostados e eu não quero", afirmou o dirigente.

"O Edno não sai para clube brasileiro. Não o libero porque nossa mentalidade é subir. A multa rescisória dele é de R$ 60 milhões. Será que algum clube vai pagar isso?", questionou.

O presidente da Portuguesa, porém, revelou que há um clube alemão interessado no jogador, mas a negociação, se acontecer, será só para o final do ano. "Um clube alemão está de olho nele e vai me mandar uma proposta amanhã [sexta-feira]. Quando eu falei que tinha proposta por Diogo, ninguém acreditou. Mas o Edno não sai agora. Quero subir", justificou, se referindo ao acesso à Série A do Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.