Portuguesa se reabilita diante do frágil Guarani

Jogando em São José dos Campos, diante de 289 pagantes, Lusa ganha por 1 a 0 e é 16.º no campeonato

Agência Estado

24 de fevereiro de 2008 | 21h48

Ainda longe de mostrar um bom futebol, a Portuguesa conseguiu sua reabilitação dentro do Campeonato Paulista ao vencer o Guarani, por 1 a 0, neste domingo à noite, pela 11.ª rodada. Este confronto foi realizado no Estádio Martins Pereira, onde a Lusa manda seus jogos até que o Canindé seja liberado pela Federação Paulista de Futebol.   Veja também:  Classificação Próximos jogos / Últimos resultados A vitória deixou a Lusa com 16 pontos, em 10.º lugar. O Guarani, que sofreu sua sétima derrota, continua na zona do rebaixamento, com apenas 10 pontos. O resultado acabou sendo injusto para o time campineiro, que sofreu um gol no início, criou várias chances para empatar e transformou o goleiro André Luiz no melhor jogador em campo.    Portuguesa 1 André Luiz; Bruno Rodrigo     , Marco Aurélio      e Eric; Zé Maria, Dias, Carlos Alberto, Preto (Miltinho) e Bruno Recife; Catatau (Marcelo de Faria) e Christian (Ramon). Técnico: Vágner Benazzi.  Guarani 0 Gisiel; Maranhão, Danilo Silva, Diego      (Jonathas     ) e Roque (Andrezinho); João Paulo, Fabinho, Marcinho e Paulo Santos; Cris e Juliano      (Henrique). Técnico: Jair Picerni. Gols: Bruno Recife aos 5 minutos do 1.º tempo. Árbitro: Paulo César de Oliveira Renda: R$ 4.130,00 Público: 289 pagantesEstádio: Martins Pereira, em São José dos Campos (SP) Disposto a esquecer a derrota para o Corinthians, por 1 a 0, a Portuguesa, armada no esquema 3-5-2, logo partiu para o ataque e, com facilidade, chegou ao seu primeiro gol. Preto ajeitou a bola pelo lado direito da área, fez o giro em cima do marcador e cruzou. Do outro lado, Bruno Recife entrou sozinho e, meio sem jeito, entrou de perna esquerda para mandar a bola para as redes: 1 a 0, aos cinco minutos.   Demorou um pouco para o Guarani se equilibrar em campo, mas aos poucos o time foi melhorando. E até criou duas boas chances para empatar, mas sempre sendo barrado pelas boas defesas de André Luiz. No segundo tempo, o Guarani apertou o ritmo, dominou as ações em campo, porém mostrou deficiências graves nas finalizações. Mesmo assim, criou chances suficientes para transformar André Luiz em herói.   Pela 12.ª rodada, o Guarani voltará a atuar dentro do Brinco de Ouro, dia 1.º de março, sábado, às 20h30, contra o São Caetano, humilhado nesta semana pelo Barueri, ao ser goleado por 6 a 1. A Portuguesa vai pegar a vice-líder Ponte Preta, domingo à tarde, no Majestoso, em Campinas.

Tudo o que sabemos sobre:
PortuguesaGuaraniPaulistão A-1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.