Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Portuguesa sonha com vitória para começar bem returno

Após encerrar o turno com derrota para a Ponte Preta, a Portuguesa quer dar a volta por cima no início do returno do Campeonato Brasileiro. E nada melhor do que começar vencendo um clássico. Esta é a ordem na equipe para o duelo contra o Palmeiras, nesta quarta-feira, às 20h30, no estádio do Canindé, pela 20.ª rodada.

AE, Agência Estado

29 de agosto de 2012 | 07h21

O resultado de 2 a 1 para a Ponte Preta encerrou uma invencibilidade de oito jogos do clube da colônia lusitana. Perdeu também pela primeira vez para um rival paulista. Além disso, caiu uma posição - para a 14.ª colocação, com 22 pontos, seis a mais que o primeiro time da zona de rebaixamento, que é o próprio Palmeiras.

Além da queda na tabela de classificação, o treinador Geninho também reprovou a atuação do time. "A Ponte nos deu espaços para atacar. Se tivéssemos mantido o nível de outros jogos, nós poderíamos ter saído com um resultado melhor", avaliou o técnico.

Além de exigir uma mudança de postura de seus jogadores, Geninho quer "atenção máxima" contra o Palmeiras. "Não podemos dar mole porque o time deles está na zona de rebaixamento. Isso só vai nos dificultar porque com certeza eles vão se superar e dar um algo mais para vencer", comentou.

Apesar das críticas "construtivas", o treinador não deve fazer grandes modificações no time. As principais novidades serão as voltas do lateral-direito Luís Ricardo, que estava lesionado, e do volante Boquita, que estava suspensão. Por outro lado, o lateral-esquerdo Marcelo Cordeiro e o meia Héverton estão fora por lesão.

Com a volta de Luís Ricardo, Ivan perde a condição de titular. No entanto, existe uma chance remota dele atuar no lado esquerdo, onde o zagueiro Rogério foi improvisado. No meio, Boquita herdará a vaga de Héverton.

Na visão do zagueiro Gustavo, as mudanças também precisam ocorrer na atitude dos jogadores. Ele espera um time mais forte neste returno. "A Portuguesa pode crescer ainda mais na competição e o resultado desse jogo é importante para a sequência da Lusa", argumentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoPortuguesa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.