Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Portuguesa teme a má fase do CRB

Não é porque o CRB ainda não venceu nenhum jogo na Série B do Campeonato Brasileiro que será um adversário fácil de ser batido. Pelo menos é o que pensa o técnico Paulo Comelli e o elenco da Portuguesa para o confronto desta sexta-feira, às 20h30, no estádio Rei Pelé, em Maceió. "Exatamente por estarem mal no campeonato é que a pressão sobre eles e a vontade de se reabilitar serão maiores", acredita Comelli. O time alagoano ocupa o 21º lugar, com apenas três pontos ganhos em cinco jogos, sendo três empates e duas derrotas. Se o ataque da Portuguesa só marcou três gols até agora, o do CRB é ainda pior: apenas dois. "Eles não têm uma equipe tão ruim assim. Assisti ao jogo contra o Marília - empate por 0 a 0, fora de casaa - e pelo que mostraram em campo, mereciam vencer", disse o treinador da Lusa.O volante Capitão conhece bem o rival e por isso, demonstra cautela. "Quando atuam em casa, sobem de produção, porque têm uma torcida muito animada", disse o jogador. "Além disso, não é porque não estão fazendo boa campanha que o jogo vai ser fácil, porque no ano passado estávamos em condições parecidas, eles lutavam contra o rebaixamento, e nos derrotaram por 2 a 0", lembrou.O técnico Paulo Comelli espera, porém, que o time confirme a ascensão no torneio e volte para São Paulo com uma vitória. "Atingimos nosso primeiro objetivo, que era chegar entre os oito melhores colocados. A vitória sobre o Caxias trouxe tranqüilidade para continuarmos na briga pela classificação", afirmou. A Portuguesa está na 7º posição da Série B, com oito pontos.Além de tentar melhorar a situação no campeonato, o time tenta quebrar o tabu de até hoje não ter ganho do CRB. Foram três confrontos, com duas vitórias dos alagoanos - 4 a 1, em 1980, e 2 a 0, em 2003 - e um empate - 0 a 0, em 1972.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.