Portuguesa vence e reassume a ponta do Paulista série A-2

A Portuguesa não passou mais que uma rodada na vice-liderança do Campeonato Paulista da série A-2. Depois de três jogos sem vencer, o time do Canindé voltou a curtir o gosto da vitória neste domingo, quando bateu o Oeste, por 1 a 0, em Itápolis, pela 12.ª rodada da competição.A Portuguesa ainda acabou beneficiada pela derrota do União São João, que foi goleado pelo Botafogo, por 6 a 1, em Ribeirão Preto. Com o resultado, voltou a assumir a liderança da competição, com 27 pontos, já o Oeste se distanciou ainda mais da zona de classificação, caindo para a 13.ª posição, somando 14 pontos.A Portuguesa entrou com três zagueiros e apostando nos contra-ataques, mas no início da partida, o Oeste não dava chances para os visitantes avançarem. Depois dos 15 minutos iniciais, os visitantes conseguiram neutralizar os ataques do adversário e começou a ganhar espaços.Os visitantes abriram o placar aos 41 minutos. Preto desarmou Cuma, puxou contra-ataque, driblou Adelmo e tocou para Vaguinho, que, com calma, tocou na saída do goleiro Júnior, fazendo 1 a 0.Na segunda etapa, a Portuguesa administrou a vitória, mas mesmo assim criou algumas oportunidades nos contra-golpes. Samuel Lopes, aos sete minutos, deixou Duda no chão, invadiu a área e bateu para a boa defesa de Júnior, que evitou que o placar fosse mais elástico. Aos 29 minutos, após uma boa troca de passes de cabeça entre Wilton Goiano e Preto, Rivaldo, que acabara de entrar, recebeu, mas pecou na finalização, chutando para longe. O Oeste, apesar da pressão, não mereceu o empate.Os dois times voltam a jogar quarta-feira. O Oeste pega o Bandeirante, em Birigüi, às 20h30, mesmo horário da partida de Portuguesa e Palmeiras-B, no Canindé, em São Paulo.Oeste 0 x 1 Portuguesa Oeste - Júnior; Ferrinho, Adelmo, Duda e Souza (Juninho); Wender, Cuma (Danielzinho), Artur e Adãozinho; Clênio e Mazinho (Brener). Técnico: Ivair Cenci. Portuguesa - Tiago; Wilton Goiano, Marco Aurélio, Hallisson e Samuel (Dias); Érick, Rai, Alexandre e Preto (Bruno Soares); Vaguinho e Samuel Lopes (Rivaldo). Técnico: Vágner Benazzi. Gol - Vaguinho, aos 41 minutos do 1.º tempo. Árbitro - Carlos Roberto dos Santos Júnior. Cartão amarelo - Clênio, Wender, Mazinho, Artur, Adelmo, Marco Aurélio, Alexandre, Samuel, Érick, Raí e Dias. Cartão vermelho - Artur. Renda e público - Não disponíveis Local - Estádio Idenor Picardi Semenghi, em Itápolis-SP.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.