Beto Boschiero/Ferroviária
Beto Boschiero/Ferroviária

Portuguesa vence fora de casa, mas Ferroviária vai à final da Copa Paulista

Vitória por 1 a 0 não é suficiente para levar a Lusa para decisão do torneio

Estadão Conteúdo

11 Novembro 2017 | 21h22

Não deu para a Portuguesa. Apesar de todo o esforço e da vitória sobre a Ferroviária, por 1 a 0, neste sábado à noite, na Fonte Luminosa, em Araraquara, o time do Canindé está fora das finais da Copa Paulista. Como a Lusa tinha perdido em casa por 2 a 0 no confronto de ida, precisava fazer três gols para ir à decisão. Desta forma, caiu nas semifinais. A Ferroviária vai decidir o título com a Inter de Limeira, que eliminou o XV de Piracicaba no outro mata-mata desta fase.

A Portuguesa lutou bastante neste sábado, mas só conseguiu marcar seu gol aos 30 minutos do segundo tempo, com o artilheiro Guilherme Queiroz. A Ferroviária se fechou e garantiu a vaga, mesmo perdendo em casa.

Chegar à final e, principalmente, ao título era o caminho da Lusa para ter um calendário completo em 2018, podendo garantir uma vaga ano Campeonato Brasileiro da Série D ou então um lugar na Copa do Brasil de 2018.

Isso porque, por enquanto, só tem garantida a sua participação no Campeonato Paulista da Série A2. A Ferroviária foi vice-campeã ano passado, perdendo o título em casa para o XV de Piracicaba nas cobranças de pênaltis.

EM LIMEIRA

Outro bom duelo destas semifinais aconteceu no Limeirão, onde a Internacional venceu o XV de Piracicaba por 2 a 1, de virada. Como devolveu o placar do duelo de ida, o decisão da vaga foi para os pênaltis, na qual a Internacional levou a melhor ao ganhar por 4 a 3.

O XV marcou com Maicon Aquino, aos 26 minutos, mas levou o empate no minuto seguinte com Marquinhos. O próprio Marquinhos fez o gol da vitória aos 42 minutos do segundo tempo, quando o XV tentava segurar o empate. O time piracicabano foi campeão ano passado ao vencer a Ferroviária, em Araraquara, nos pênaltis.

Na segunda-feira haverá uma reunião na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF) para definir os detalhes das finais. Dono da melhor campanha, a Ferroviária garante o direito de decidir o segundo jogo em casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.