Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Portuguesa x América-RN: empate sem gols

Apática e sem criatividade, a Portuguesa fez sua pior apresentação na Série B do Campeonato Brasileiro e só empatou por 0 a 0 no América-RN, nesta sexta-feira, no Canindé. Com o resultado, o time paulista soma cinco pontos na competição, ocupando a 10ª posição, antes dos jogos deste sábado. Com uma forte marcação, mas também contando com a lentidão do time da casa, o América-RN impediu que o adversário chegasse ao ataque, tanto que a Portuguesa levou 10 minutos para ameaçar o goleiro Róbson. Ângelo cobrou escanteio e César tocou para fora, de cabeça, mas o árbitro marcou falta sobre o zagueiro Jéferson. Nos contra-ataques, o América-RN também assustou. Aos 14, Marcelinho, livre, arriscou de fora da área, a bola foi para fora, mas assustou o goleiro Gléguer. Dois minutos depois, Cláudio cobrou falta na cabeça do zagueiro Alex Oliveira, que desviou, acertando a trave. A melhor chance da Portuguesa veio aos 22, quando Ângelo cruzou rasteiro da direita e Edmilson desviou. A bola sobrou para Cláudio, que tocou em cima do goleiro Róbson. No rebote, Lucas tentou tocar de cabeça, mas o zagueiro Jéferson desviou pela linha de fundo. Aos 35, Paulo Isidoro tabelou com Lucas dentro da área, mas o meia adiantou a bola e perdeu a chance. O time potiguar tentou reagir cinco minutos depois: Helinho driblou o zagueiro César e ficou frente a frente com Gléguer, mas o goleiro saiu bem nos pés do atacante do América-RN. A lentidão da Portuguesa continuou no segundo tempo. Mesmo assim, a equipe seguiu criando chances de gol. Aos 9, Edmilson foi à linha de fundo e cruzou para Cláudio, que bateu forte, mas o goleiro Róbson fez uma grande defesa. Edmilson fez grande jogada os 16 minutos, quando recebeu na intermediária, avançou, e bateu forte, mas sem sucesso. A Portuguesa só conseguiu ameaçar Róbson aos 25, quando Cláudio arriscou de fora da área, mas o goleiro do América-RN fez boa defesa, no canto esquerdo. Um minuto depois, o técnico Paulo Comelli arriscou: substituiu o zagueiro César pelo meia ofensivo Luciano Souza. Em seguida, também trocou o apagado Lucas Pereira, por Kleyr e Edmilson, por Danilo. Aos 34, o time de Natal criou grande oportunidade: Marcelo Rosa recebeu na entrada da área, cortou Bruno, que ficou sentado no gramado, mas na conclusão, o meia do América-RN bateu para fora. As chances da Portuguesa de tentar a vitória acabaram aos 42 minutos, quando o lateral Ângelo foi expulso, após receber o segundo cartão amarelo. ?Tivemos algumas boas chances no primeiro tempo, mas não aproveitamos. Relaxamos um pouco e infelizmente não nos impusemos como deveríamos?, disse o técnico da Lusa, Paulo Comelli. ?Produzimos bem menos do que nos jogos contra o Sport e o Bahia.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.