Divulgação
Divulgação

'Posso começar a exigir a equipe de uma forma diferente', diz Ricardo Gomes

Técnico do São Paulo, que ainda não venceu à frente do time, comemora semana livre para treinar

O Estado de S.Paulo

30 Agosto 2016 | 19h17

O técnico Ricardo Gomes comemorou a semana livre de jogos para treinar no São Paulo. O treinador, que ainda não venceu sob o comando da equipe, afirmou nesta terça-feira que aproveitará o tempo para conhecer melhor o elenco. "Já faz três jogos que estou aqui e agora posso começar a exigir a equipe de uma forma diferente, e acredito que essa cobrança vai conseguir melhorar o São Paulo”, afirmou o treinador.

Ricardo Gomes chegou ao clube há duas semanas e se viu em meio a uma crise após a invasão de torcedores no CT no último sábado. Ele dirigiu o time em apenas três jogos: empatou com o Internacional e Coritiba pelo Brasileirão e perdeu para o Juventude por 2 a 1, no Morumbi, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil. Foi essa derrota que tornou o ambiente no clube pesado e culminou com a invasão das organizadas ao centro de treinamento.

O São Paulo se reapresentou nesta terça-feira após o empate contra o Coritiba. As atividades serão fechadas à imprensa até sexta-feira. A ideia da diretoria foi dar mais privacidade ao elenco e fazer com que Ricardo Gomes treine com mais liberdade. Nesta quarta, haverá treinos em dois períodos. O time só volta a campo dia 7 no clássico contra o Palmeiras. 

Para o auxiliar-técnico Pintado, a pausa do calendário pode melhorar a equipe. “É uma semana muito importante, depois de muito tempo conseguimos oito dias pra unir forças novamente para que o Ricardo possa conhecer mais todas as peças. Assim, a gente vai poder focar em bons resultados”, afirmou.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.