Robert Ghement/EFE
Robert Ghement/EFE

Prandelli agradece jogadores por superarem cansaço

Técnico da Itália destaca força da seleção italiana

PAULO FAVERO, Agência Estado

30 de junho de 2013 | 18h25

SALVADOR - O técnico Cesare Prandelli agradeceu aos seus jogadores e parabenizou a todos pela superação diante do Uruguai. O treinador já sabia que a Itália sofreria com o cansaço, ainda mais em uma partida que começou às 13h em Salvador e foi para a prorrogação. "Esse time é formado por pessoas que sempre podem dar mais de si dentro de campo. Eu gostaria de agradecer a todos eles porque não é nada fácil fazer isso, é difícil dar o máximo se você está esgotado", afirma.

Para Prandelli, sua equipe conseguiu mostrar um bom futebol enquanto teve fôlego, principalmente na etapa inicial. Depois, as pernas dos jogadores começaram a ficar pesadas e a equipe precisou jogar com inteligência para dosar a energia e aguentar até o final. A prorrogação quase fez todo esquema ruir, mas os atletas italianos suportaram a pressão. "Nós honramos essa campanha, tivemos um primeiro tempo maravilhoso, depois perdemos o brilho e a confiança na bola. Eles cresceram mais. Naturalmente, nos pênaltis é sempre uma loteria", comenta.

Não só o treinador como também os jogadores sentiram bastante o desgaste por atuar em um calor de 29ºC na hora do almoço. A todo momento, os atletas vinham para a beira do campo para beber água e se refrescar. O goleiro Buffon foi irônico ao falar sobre a escolha do horário da partida. "Foi bom, é um horário inteligente de se jogar", argumenta o capitão, comentando que se a Itália se classificar para a Copa, ele espera que não tenha de atuar nesse horário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.