Fabrizio Giovannozzi/AP
Fabrizio Giovannozzi/AP

Prandelli anuncia os 23 convocados da Itália após amistoso no sábado

Treinador ainda tem dúvidas, mas fará decisão do tim edo Mundial depois de encarar a Irlanda

O Estado de S. Paulo

26 de maio de 2014 | 15h49

ROMA - Diferente do Brasil, a Itália ainda não definiu a lista dos 23 jogadores que disputarão a Copa do Mundo. O técnico Cesare Prandelli trabalha com 30 nomes e tem até a segunda-feira da próxima semana para definir os jogadores que virão ao Mundial. Ainda com dúvidas, principalmente em relação ao ataque, o treinador promete anunciar a sua decisão após o amistoso de sábado, contra a Irlanda.

"Eu ainda tenho que esperar os próximos 4 dias. Será importante para descobrir quem será capaz de resistir a essas cargas de trabalho e, em seguida, haverá o amistoso contra a Irlanda. Após o jogo, vamos revelar os 23", explicou Prandelli.

A seleção da Itália ficou quatro dias reunida no centro de treinamento de Coverciano, nos arredores de Florença, e depois teve o fim de semana de folga, entre sexta e domingo. Nesta segunda, se reapresentou para iniciar a fase final de preparação na Itália.

"Nós fizemos uma semana de trabalho importante e todo mundo reagiu de forma particularmente brilhante. Eu diria que eles são todos muito bem, mesmo os que sofreram um pouco com as cargas de trabalho. Temos de aprender a suportar certas dificuldades, não só a nível físico, mas também do ponto de vista psicológico", apontou Prandelli.

Dentro das características da equipe, ele quer um time em boas condições físicas para jogar no contragolpe. "Do ponto de vista atlético, devemos estar preparados e levar os jogadores em um nível físico ótimo, porque precisamos de uma equipe que, de forma rápida, saiba colocar o adversário em dificuldades. Dificilmente veremos um time que começa e termina a partida da mesma forma, devemos nos preparar para essas dificuldades", completou o treinador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.