Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Prass assina renovação com o Palmeiras e celebra: 'Prevaleceu minha vontade'

Goleiro de 39 anos defenderá equipe alviverde por mais uma temporada, segundo novo acordo

Estadão Conteúdo

02 de dezembro de 2017 | 14h02

Fernando Prass oficializou neste sábado sua renovação contratual com o Palmeiras. Depois de chegar a um acordo com a diretoria durante a semana, o goleiro assinou o novo vínculo com o clube, válido por mais um ano, e confirmou que disputará sua sexta temporada consecutiva com a camisa alviverde.

+ Leia mais notícias sobre o Palmeiras

+ Palmeiras adota cautela em reforços e não deve ter pacote numeroso

+ Dudu, do Palmeiras, revela ter recebido sondagem do futebol chinês

Após firmar o novo contrato, Prass utilizou as redes sociais para comemorar. "Acima de qualquer coisa, prevaleceu minha vontade de defender este clube por pelo menos mais 1 ano!", escreveu em sua página no Instagram, ao postar uma foto do momento da assinatura do documento.

Aos 39 anos, Prass tinha contrato somente até dezembro. As conversas para a renovação se arrastaram durante os últimos meses e acabaram na última quarta-feira, com uma reunião definitiva entre o goleiro e a diretoria, que selou o acordo.

Fernando Prass é o jogador do Palmeiras que está há mais tempo no elenco. O goleiro foi contratado em dezembro de 2012 e, desde então, participou de uma trajetória iniciada no título da Série B, em 2013. Nos anos seguintes, ele foi decisivo na campanha da conquista da Copa do Brasil, em 2015, e atuou com regularidade no título do Campeonato Brasileiro de 2016, apesar de ter sofrido com uma fratura no cotovelo.

No novo ano como goleiro do clube, Fernando Prass deve ter mais um concorrente para a posição. Além de Jailson, Vinícius Silvestre e Fuzato, o Palmeiras pensa em trazer Weverton, do Atlético Paranaense. O jogador campeão olímpico no Rio tem contrato até maio e aguarda um acerto entre os clubes sobre como pode se dar a liberação antecipada, em janeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.