Marcos de Paula/Estadão
Marcos de Paula/Estadão

Prass se ajoelha para comemorar e respira aliviado no Palmeiras

Após pouco mais de cinco meses, o goleiro volta ao time após cirurgia no cotovelo direito e festeja vitória sobre o Botafogo

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

08 de outubro de 2014 | 21h42

Poucos jogadores do Palmeiras deixaram o gramado tão satisfeitos com a vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo quanto Fernando Prass. O experiente goleiro se ajoelhou no gramado ao término da partida e comemorou o resultado positivo em sua volta ao time, após mais de cinco meses de recuperação.

"Nós entramos em campo confiantes. É bom voltar a vencer e ir para casa, chegar tranquilo. Podemos pegar a mulher e os filhos e fazer o que quiser. Faz tempo que não temos essa oportunidade. Claro que é só um jogo, mas essa vitória foi importante para a gente relaxar um pouco. Estamos sofrendo demais", desabafou Fernando Prass.

Nos minutos finais, o goleiro deu um susto quando fez uma defesa, em chute de Rogério, e ficou caído no gramado com dores no cotovelo direito, operado após lesão em jogo no dia 4 de maio. Após a partida, Prass passou tranquilidade aos torcedores.

"Está tudo bem. O problema é a cicatriz, que ficou um pouco alta, afinal de contas, foram duas cirurgias. Ficou um lugar sensível e todo choque, dá a impressão que cortou de novo, mas está tudo bem", assegurou o líder palmeirense.

O elenco do Palmeiras volta na manhã desta quinta-feira para a São Paulo e no sábado enfrenta o Grêmio, às 21h, no Pacaembu, pela sequência do Campeonato Brasileiro.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasBotafogoBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.