JF Diorio/Estadão
JF Diorio/Estadão

Prata da casa volta a ser protagonista com o garoto Gabriel Jesus

Jovem atacante de 18 anos ajudou muito na campanha palmeirense

Glauco de Pierri, O Estado de S. Paulo

03 de dezembro de 2015 | 07h00

Demorou um bom tempo, mas finalmente o Palmeiras voltou a ser campeão com um prata da casa como um dos destaques. Aos 18 anos, o atacante Gabriel Jesus ajudou muito a equipe durante toda a campanha da Copa do Brasil. Titular incontestável, ele deixou de ser uma jovem promessa das categorias de base e se tornou realidade com técnica apurada e inteligência, sem deixar de lado sua lealdade ao clube. Bem ao gosto do exigente torcedor Alviverde.

Gabriel chamou a atenção do torcedor ainda nas categorias de base, em 2013. No final do ano passado, estendeu seu contrato até dezembro de 2017, com possibilidade de renovação por outros dois anos.

Depois de ótimas partidas durante a campanha, como no jogo contra o Cruzeiro, no Mineirão, quando fez dois gols – um deles um golaço, e na semifinal contra o Fluminense, no Allianz Parque, o garoto ainda não se sente ídolo da torcida.

“Eu tenho uma grande admiração pela torcida do Palmeiras, por tudo que já fizeram por mim. Ela me apoiou no momento que eu não estava bem. Meu foco é o Palmeiras, minha vida é o Palmeiras. Eu não quero ser (só) um jogador do Palmeiras, quero me tornar ídolo e para chegar a ídolo tem que ficar muitos anos e fazer por merecer. Eu sei que o Palmeiras está carente de ídolo faz tempo. Vou continuar trabalhando muito forte pra honrar a camisa do clube e quem sabe virar um ídolo”.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.