Divulgação/Rubens Chiri/Sãopaulofc.net
Divulgação/Rubens Chiri/Sãopaulofc.net

Pratto visita o CT do São Paulo, promete gols e exalta Rogério Ceni

Atacante conversou com o presidente do clube, Carlos Augusto Barros e Silva, o Leco

Estadão Conteudo

11 Fevereiro 2017 | 16h16

Depois de ser oficializado como reforço na sexta-feira, o atacante Lucas Pratto visitou neste sábado o Centro de Treinamento do São Paulo, na Barra Funda. O argentino conversou com o presidente do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, e conheceu a estrutura do local.

"Escolhi o São Paulo porque todos sabem o que representa o São Paulo na América (do Sul) e no mundo. Sem dúvida, é uma das maiores equipes do futebol sul-americano. Eu tinha muita vontade de jogar aqui, e felizmente isso será possível agora", comentou o atacante, em declarações ao site oficial do São Paulo.

Os valores da transação com o Atlético-MG não foram divulgados, mas estima-se que o São Paulo pagou 6,2 milhões de euros (cerca de R$ 20,7 milhões) por 50% dos direitos do jogador. O restante ficará com Atlético-MG, Vélez Sarsfield e um grupo de investidores.

Pratto assinou contrato por quatro anos com o time do Morumbi e usará a camisa de número 14, que em 2016 pertenceu a Alan Kardec no primeiro semestre e depois esteve com David Neres, que foi negociado com o Ajax por R$ 40 milhões e possibilitou a chegada do atacante argentino.

"A torcida pode esperar gols, sobretudo importantes, mas além disso muita entrega e compromisso com esta camisa. Farei o possível para vencer com o São Paulo, e este comprometimento não faltará nunca. Quando temos a torcida ao nosso lado tudo fica mais fácil", prometeu o atacante.

O São Paulo ainda não informou quando o jogador estreará pelo clube. Como vinha treinando no Atlético-MG, Pratto pode até enfrentar o Santos no clássico da próxima quarta-feira, pelo Campeonato Paulista. O jogador se mostrou ansioso em começar a trabalhar com o técnico Rogério Ceni e poder entrar em campo pelo time tricolor.

"Ser comandado pelo Rogério será uma experiência única. Assim como o São Paulo, ele representa muito no futebol sul-americano e tem uma história vitoriosa. Como jogador, o Rogério conquistou muitos títulos pelo clube que sempre amou, e tenho certeza de que será assim também como técnico", elogiou.

Pratto se destacou pelo Atlético-MG nas temporadas 2015 e 2016 e marcou 42 gols em 105 jogos. As boas atuações lhe renderam a oportunidade de atuar pela seleção argentina. No último jogo das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, o centroavante marcou um dos gols na vitória por 3 a 0 sobre a Colômbia.

No São Paulo, Pratto atuará ao lado de outro companheiro argentino, o lateral-direito Buffarini. "Construí uma amizade com o Buffarini na seleção, e sempre mantivemos contato. Conversei com ele antes de chegar, mas ele não precisou falar muito sobre o clube porque conheço a história do São Paulo. Ele me disse que o dia a dia aqui é muito bom, que o pensamento do treinador é excelente e que a equipe joga para atacar. Todos no clube querem ganhar coisas importantes, e quero fazer parte disso", revelou.

Mais conteúdo sobre:
São Paulo FCfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.