Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Preocupado com Libertadores, Grêmio mira 1ª vitória no Brasileirão

Renato Gaúcho deve colocar o time reserva em campo na partida contra o Fluminense

Redação, Estadao Conteudo

05 de maio de 2019 | 14h25

De olho no jogo que definirá a sua vida na Copa Libertadores, o Grêmio, ainda sem vencer no Campeonato Brasileiro, recebe o Fluminense neste domingo, às 19 horas, pela terceira rodada do torneio. A equipe tricolor tem como objetivo estar entre as quatro primeiras até a parada para a disputa da Copa América, que será no Brasil.

O time gaúcho estreou com derrota por 2 a 1 em casa para o Santos e, na sequência, empatou em 1 a 1 com o Avaí, em Florianópolis. Dessa forma, tem apenas um ponto somado e precisa triunfar pela primeira vez no torneio para não deixar de ser um dos postulantes ao título.

O técnico Renato Gaúcho, como de praxe, fez mistério e escondeu o máximo que pôde a escalação que mandará a campo. Ele costuma preservar jogadores antes de jogos importantes pela Libertadores. Dessa vez não deve ser diferente. Seus comandados encaram o Universidad Católica, do Chile, na próxima quarta-feira, em casa, e precisam do empate para avançar às oitavas de final.

No entanto, é pouco provável que o treinador escale uma equipe totalmente reserva. A tendência é de que mescle peças, como fez no último duelo com o Avaí, em que poupou jogadores importantes como Kannemann, Maicon, Alisson, Cortez, Jean Pyerre, Everton e André. Dessa vez, alguns desses devem jogar. Suspenso na Libertadores, Matheus Henrique será titular.

Independente de quem atuará, o lateral-direito Léo Moura afirma que o padrão de jogo será mantido e que as vitórias virão com naturalidade. "Eu espero que a gente vá com força máxima, com o que temos de melhor", diz o defensor.

"Não é por causa de duas tropeçadas que vamos mudar. O Grêmio tem padrão. Temos que ter mais tranquilidade, estar mais focados, Brasileirão é difícil. E as oportunidades que tivermos, não podemos desperdiçar. Aí vai pegando confiança, as vitórias vão voltar e vamos ter uma sequência boa", afirma o experiente jogador.

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.