Preocupado, Grêmio muda defesa

O técnico José Luiz Plein vai modificar a defesa e o meio-de-campo do Grêmio para enfrentar o Corinthians, neste sábado, em São Paulo. Ameaçado de cair para a zona de rebaixamento e humilhado pela derrota de quarta-feira para o Juventude, por 4 a 2, no Olímpico, o treinador quer evitar que os adversários sigam tendo as facilidades que encontraram nos últimos quatro jogos, quando marcaram 11 gols no Grêmio.Para isso, Plein vai desistir de escalar Claudiomiro como volante e recuar o jogador para a zaga. A idéia é ter um jogador que afaste a bola com o pé esquerdo. Tanto Baloy, que sai do time, como Fábio Bilica, que continua, têm mais facilidades para jogar com o pé direito.Outro modificação é na lateral-esquerda. Sai Cristiano e entra Michel Bastos, uma opção para as cobranças de falta. A vaga de volante seria de Cocito, mas como ele está contundido, é provável que Felipe Melo, recuperado de dores pubianas, volte ao time depois de um mês. Mas Plein faz mistério e deixa aberta a possibilidade de escolher Emerson.O planejamento que o Grêmio havia feito, de conquistar 40 pontos no returno do campeonato brasileiro e terminar o ano entre os dez melhores do País, foi atropelado pelas derrotas para o Flamengo e Juventude.Antes, era possível considerar um empate contra o Corinthians como um ótimo resultado e uma derrota como aceitável. Agora, a vitória virou perspectiva de sobrevida e qualquer outro resultado é desespero na certa. O clube gaúcho começa a rodada na 19ª posição, com 26 pontos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.