Preparo físico será importante na Copa, dizem brasileiros

Todos na seleção brasileira concordam em um ponto sobre o que vai predominar nas partidas da Copa do Mundo da Alemanha: a condição física dos jogadores. O treinador Carlos Alberto Parreira ressaltou, durante entrevista coletiva neste domingo, em Königstein, que o estado atlético de cada seleção será fundamental durante o Mundial. "Esta será, com certeza, a Copa da saúde. A Alemanha, por exemplo, é uma equipe que já se impôs nesta primeira partida e isso deverá acontecer em outros jogos", afirmou Parreira, após acompanhar os primeiros jogos do Mundial. "Até agora, houve muita intensidade na marcação, muita velocidade."Lateral-direito e capitão da seleção, Cafu já percebeu que o preparo físico está fazendo a diferença nos primeiros confrontos do Mundial. "A força física predominou nestes jogos. A Alemanha e o Equador se postaram bem dentro de campo e venceram também graças ao bom preparo de seus jogadores", disse o jogador, que mesmo com 36 anos é um dos atletas com melhor preparo físico da seleção.Por causa do bom estado atlético de seus atletas, o título da Copa do Mundo deverá mesmo ficar com alguma das seleções com mais tradição no futebol. "Acho que não vai fugir das equipes mais fortes como Brasil, Itália, Argentina, França, Alemanha e Inglaterra. Essas seleções são favoritas ao título e uma delas vai ganhar o Mundial", avaliou o atacante Ronaldo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.