Andre Lessa/AE - 07/01/2011
Andre Lessa/AE - 07/01/2011

Presidente do Atlético-MG diz que Valdivia foi oferecido ao clube

Dirigente teria vetado uma tentativa de acordo com meia chileno, devido ao alto valor salarial

ESPN,

13 de dezembro de 2011 | 21h56

SÃO PAULO - Após encerrar o Campeonato Brasileiro em baixa no Palmeiras, o meia Valdivia foi oferecido ao Atlético-MG por seu empresário. A informação foi confirmada pelo próprio presidente do Galo, Alexandre Kalil, que vetou a contratação devido ao alto salário do chileno.

"O Valdivia é caso de empresário, tive conversa com Luiz Felipe, do mesmo jeito que vão oferecer jogadores do Atlético. O Valdívia foi oferecido, mas o Atlético não tem condições de pagar o salário", declarou o dirigente, em entrevista à Rádio Globo.

O presidente do clube mineiro afirmou que apesar da oferta feita pelo representante do jogador, os custos que envolvem sua transação impedem que qualquer conversa entre a equipe e o atleta seja mantida. Mesmo com a negativa, Kalil procurou exaltar a qualidade técnica do armador e apontou que as questões financeiras são o único empecilho em sua contratação.

"O Valdivia joga em qualquer equipe do futebol brasileiro, mas poucos times têm condições de pagar o salário dele, mas nós aqui temos uma coisa, não fazemos loucuras para contratar jogadores", completou.

Apesar de ter sofrido com as lesões em 2011 e não ter demonstrado um bom futebol na temporada, o chileno é considerado uma das principais peças no esquema tático do técnico Luiz Felipe Scolari. O contrato do jogador com o Alviverde vai até 2015 e a tendência é que o atleta seja mantido entre os titulares que disputarão o Paulistão e a Copa do Brasil no primeiro semestre.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolpalmeirasvaldiviaatletico-mg

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.