Bruno Cantini/Divulgação
Bruno Cantini/Divulgação

Presidente do Cruzeiro admite interesse em Fred: 'É um grande cruzeirense'

Centroavante do Atlético-MG é cobiçado por grandes clubes do futebol brasileiro

Estadao Conteudo

20 de dezembro de 2017 | 14h26

Novo presidente do Cruzeiro, Wagner Pires de Sá tem planos ambiciosos para 2018, e um deles é levar o atacante Fred de volta ao clube. Nesta quarta-feira, ele admitiu o interesse de tirar o jogador de 34 anos do rival Atlético-MG para reforçar o time celeste na Libertadores do ano que vem.

+ Sorteio nesta quarta definirá caminhos de brasileiros na Libertadores 2018

"É um grande atacante, um grande cruzeirense, apesar de estar jogando no nosso rival. Mas, oficialmente, ainda não fizemos uma busca pelo jogador. É claro que nos interessa, é um homem do ataque, posição que o Mano Menezes está procurando. Seria muito bom para o Cruzeiro, mas efetivamente ainda não há nada", declarou, em entrevista ao SporTV.

  O próprio dirigente, porém, fez questão de salientar que o desejo de contratar Fred não passa de um sonho neste momento. "Não podemos falar que há uma conversa com o Fred. O Flamengo parece que já demonstrou interesse."

Wagner Pires de Sá está no Paraguai para acompanhar o sorteio dos grupos da Libertadores, que acontecerá ainda nesta quarta-feira. E é justamente pensando nesta competição que o Cruzeiro mira reforços para 2018. Se Fred é um sonho no momento, o time celeste tem conversas mais adiantadas para acertar com outro centroavante: Fernandão, do Fenerbahçe.

"Nós estivemos olhando o Fernandão. O Itair Machado, que é o vice-presidente de futebol do Cruzeiro, andou sondando", explicou o presidente. A contratação de um centroavante é considerada prioridade por um clube que tem poucas opções no setor, com Rafael Sóbis em baixa e Sassá ainda oscilando.

Quem deve chegar ao clube nos próximos dias é o volante Bruno Silva, destaque do Botafogo este ano. "De adiantado, só temos a conversa que vínhamos mantendo há algumas semanas com o Botafogo. O Bruno Silva está praticamente acertado, existe apenas uma questão de fluxo de caixa. O Botafogo quer uma data e nós estamos vendo se podemos combinar essa data", explicou Wagner.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.