Presidente do Grêmio diz que clube busca atacante 'finalizador'

O Grêmio fecha 2015 sem ter anunciado a contratação de nenhum jogador para a próxima temporada, apesar das compras dos direitos federativos de Maicon e Pedro Geromel. Mas isso não significa que o clube não está atento ao mercado. De acordo com o presidente gremista, Romildo Bolzan Jr, há o interesse em contar com pelo menos um atacante e um meio-campista, além de um novo lateral-direito para repor a saída de Rafael Galhardo.

Estadão Conteúdo

31 de dezembro de 2015 | 18h01

"No perfil que o Grêmio joga, temos que ter um refinado finalizador. Pode ser de lado, de meio ou mais da frente. Essa é a peça que nós buscamos. Alguém que faz gol, esse é o jogador que temos que buscar", comentou Romildo, em entrevista nesta quinta-feira à Rádio Guaiba.

O dirigente, entretanto, acredita que há dois jogadores no elenco que também podem desempenhar esse papel. "Nós temos o Bobô, que é um jogador que vai desenvolver muito, o Batista que vai subir, o Luan que é o titular e temos a perspectiva de comprar um atacante. O mercado é complexo."

Romildo confirmou que o Grêmio fez uma proposta ao Napoli para contratar o zagueiro Henrique, ex-Palmeiras, mas explicou que oferta é de pagamento em longo prazo. Ainda que Henrique seja dado como certo no Flu, o Grêmio ainda confia: "Está em aberto, ele não fechou com ninguém", aposta o dirigente.

A situação mais adiantada é com o lateral-direito Wallace, que pertence ao Chelsea, mas está emprestado ao Carpi, da Itália. "O Wallace está bem adiantado, mas o Chelsea ainda não mandou o documento liberando. Tentamos manter o Galhardo com a manutenção do Werley, mas eles (o Santos) quiseram um milhão de euros e nos preferimos investir em outra situação melhor", explicou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolGrêmioCampeonato Gaúcho

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.