Presidente do Grêmio reconhece favoritismo na final

O presidente do Grêmio, Duda Kroeff, admitiu nesta segunda-feira que a equipe é favorita contra o Novo Hamburgo, em confronto no domingo que definirá o campeão do primeiro turno do Campeonato Gaúcho.

AE, Agencia Estado

22 de fevereiro de 2010 | 20h27

Mas apesar do otimismo, o dirigente pediu respeito ao adversário. "O Novo Hamburgo é um time de profissional, não chega a ser uma grande surpresa. Não tem dúvida, não dá para ficar se fazendo, o Grêmio é favorito sim, joga em casa, com sua imensa torcida apoiando", afirmou Kroeff.

O presidente gremista aproveitou ainda para comentar sobre os novos reforços do clube. E revelou que pretende contratar mais um zagueiro. "Fiquei contente com a vinda do Rodrigo, queria ele há tempos. O Edilson também. Ele dando certo, dá para o Mário Fernandes jogar na zaga. Mas acho que precisamos de mais um zagueiro sim", avaliou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.