Presidente do São Paulo descarta Rivaldo

O presidente do São Paulo, Marcelo Portugal Gouvêa, descartou nesta quarta-feira a possibilidade de contratação do meia Rivaldo, que recentemente rescindiu contrato com o Milan. Em entrevista à Rádio Jovem Pan no início da tarde de hoje, o dirigente se mostrou surpreso com a repercussão de um suposto interesse do Tricolor pelo jogador. ?O Juvenal (Juvêncio, diretor de futebol) deu entrevistas falando em cima de uma uma determinada situação. Disse que haveria interesse do São Paulo, caso fossem verdadeiras as informações de que Rivaldo iria ficar no Brasil de qualquer maneira e que estaria disposto a reduzir drasticamente suas pretensões salariais?, disse o presidente. ?Mas, acontece que essas condições não se confirmaram. O procurador dele já disse que o Rivaldo pretende permanecer na Europa por mais 1 ano e meio e que só viria para o Brasil caso houvesse um esquema com ajuda de empresas, por exemplo, que viabilizasse a negociação. E esse tipo de esquema o São Paulo não tem. Aliás, nem temos planos para isso?, acrescentou o dirigente. ?Por isso, eu posso dizer que o Rivaldo não vem para o São Paulo?, disse.TÉCNICO - O dirigente confirmou o interesse do clube na contratação do técnico Cuca, hoje no Goiás. ?Digamos que ele está na nossa lista. Mas também está na lista do Atlético Mineiro, do Vasco da Gama e do Flamengo e eu posso garantir que nós não vamos entrar em leilão?, avisou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.