Reprodução
Reprodução

Presidente do Vasco anuncia pagamento de salários atrasados do elenco

Alexandre Campello garante que clube quitou todas as dependências com jogadores e demais funcionários

Redação, Estadão Conteúdo

05 de novembro de 2020 | 18h33

O presidente do Vasco, Alexandre Campello, anunciou nesta quinta-feira que o clube pagou dois meses de salários atrasados, entre jogadores e demais funcionários. De acordo com o dirigente, o clube carioca está em dia com o pagamento de vencimentos de todos os seus funcionários.

"Hoje é um dia de boas notícias para o clube e para a nossa torcida. Hoje pagamos dois meses de salário e a partir de agora o Vasco está absolutamente em dia com jogadores e funcionários. Sabemos que essa é uma obrigação do clube, mas é um motivo de comemorar porque há muito tempo o Vasco não consegue manter os seus salários em dia, disse o presidente.

Em mensagem em seu perfil no Twitter, ele rebateu críticas quanto às finanças do clube. "E pensar que os "experts" em finanças pularam do barco dizendo que não chegaríamos ao meio do ano - e na época nem pandemia tinha!".

Boa parte dos recursos para pagar os salários atrasados vieram dos valores relativos à negociação do lateral-direito Nathan para o Boavista. O salário de outubro ainda não foi quitado, mas, pelo acordo entre clube e jogadores, os vencimentos costumam ser pagos no dia 20 do mês seguinte.  

Campello é um dos cinco candidatos à presidência do clube carioca. No próximo pleito, ainda sem data definida, ele vai enfrentar Jorge Salgado, Julio Brant, Luiz Roberto Leven Siano e Sérgio Frias em busca da reeleição.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascoAlexandre Campello

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.